Uma Noite

Uma noite

Botões abertos, seus encantos vejo.
Seria uma oferta? Amor? Ou desejo?
Com leve tremor seu corpo cobre o meu.
Seu calor aquece e acalma,agora sou eu.

Nossos corpos se tocam, se enroscam.
Ela é linda, é quente, seu cheiro embriaga.
Sua pele é macia, em seus olhos lágrimas.
Ela mostra o caminho, meu coração dispara.

Sua boca, molhada, de encontro à minha.
Enquanto meu corpo vibra, o dela se aninha.
Tantas fantasias e esperas, e agora acontece.
Ela relaxa, suspira, adormece. . .desaparece.

A cama está fria e o seu canto vazio.
Sem ela do meu lado, fico aqui, sombrio.
Acordo de um sonho agitado e estranho.
Sem roupas na noite, aturdido, vagando.

Ela me deixou, na escuridão, silenciosa.
O seu perfume entranhado em mim consola.
Sinto o cheiro de seu corpo em minhas mãos.
Ela voltou, enroscou-se em mim carinhosa.

B.Milan

No Comments Yet.

Leave a comment